Intolerância à lactose: o que é, causas, sintomas e prevenção

Intolerância à lactose é o nome que se dá à incapacidade parcial ou completa de digerir o açúcar existente no leite e seus derivados. Ela ocorre quando o organismo não produz, ou produz em quantidade insuficiente, uma enzima digestiva chamada lactase, que quebra e decompõe a lactose, ou seja, o açúcar do leite.

Causas
A intolerância surge de diferentes maneiras. Sua forma mais comum acontece pela redução natural da concentração de lactase com o avançar da idade.

Em episódios raros, o distúrbio tem origem genética. E há ainda uma terceira causa: quando micro-organismos ou um processo inflamatório atacam as células intestinais responsáveis por gerar a lactase.

Existem três tipos de intolerância à lactose.
Deficiência congênita – por um problema genético, a criança nasce sem condições de produzir lactase (forma rara, mas crônica);

Deficiência primária – diminuição natural e progressiva na produção de lactase a partir da adolescência e até o fim da vida (forma mais comum);

Deficiência secundária – a produção de lactase é afetada por doenças  intestinais, como diarreias, síndrome do intestino irritável, doença de Crohn, doença celíaca, ou alergia à proteína do leite, por exemplo. Nesses casos, a intolerância pode ser temporária e desaparecer com o controle da doença de base.

Embora muita gente confunda intolerância com alergia, os dois problemas são distintos. Enquanto o primeiro é marcado pela dificuldade em quebrar a lactase, o segundo é uma resposta exagerada do sistema imunológico a uma proteína específica do leite da vaca.

Sintomas
Os sintomas de intolerância à lactose geralmente começam de trinta minutos a duas horas depois de a pessoa ingerir alimentos ou bebidas que contenham lactose. Entre os sintomas estão:

Dor e inchaço abdominal;
Diarreia;
Gases;
Azia;
Náusea;
Dor de cabeça.

Fatores de risco
Envelhecimento
Etnia: o problema é mais comum em africanos, árabes, gregos, chineses, coreanos e canadenses
Infecção por rotavírus
Doenças gastrointestinais
Predisposição genética
Diabetes
Realização de cirurgia bariátrica

 

Gostou dessa matéria? Então confira outras matérias que separamos para você:

Você sabe o que é síndrome do pânico?
Gastroenterite: o que é, como se manifesta e sintomas
O que é gordura no fígado?
Surdez na Velhice: conheça as causas, sintomas e tratamentos

Marque sua consulta