Pés inchados: quais são as causas e o que fazer para evitar o problema?

O inchaço dos pés e dos tornozelos é um sintoma muito comum que, geralmente, não é sinal de problemas graves e que está, na maioria dos casos, relacionado com alterações normais da circulação, especialmente em pessoas que ficam muito tempo de pé ou caminhando, por exemplo.

Algumas pessoas têm tendência, sem que apresentem qualquer problema de saúde. Mas tanto a má circulação quanto a hipertensão podem causar inchaço nos membros inferiores.

Quando o inchaço nos pés se mantém inchado por mais de 1 dia ou é acompanhado de outros sintomas como dor, vermelhidão intensa ou dificuldade para caminhar, pode indicar algum problema ou lesão, como entorse, infecção ou, até, trombose.
Confira as principais causas do inchaço nos pés e tornozelos:

1. Má circulação nas pernas e pés
Esta é a causa mais comum de inchaço nas pernas, pés e tornozelos e, geralmente, surge no final do dia em adultos, idosos ou grávidas. Esta má circulação, embora não provoque dor, pode causar um ligeiro desconforto, semelhante a ter os pés mais pesados ou cheios de líquido.

2. Torção e outras lesões
Qualquer tipo de lesões ou pancada no tornozelo pode provocar um inchaço que é acompanhado por dor e dificuldade em movimentar o pé, e roxidão na lateral do pé. Uma das lesões mais comuns é a entorse, que acontece quando se coloca mal o pé no chão ou se sofre uma pancada no pé.

3. Linfedema
É o nome dado para o acúmulo de líquido linfático que pode estar afetando os vasos do sistema, e a linfa (este líquido viscoso) composto por linfomas e células brancas, estão promovendo uma ação conjunta para a eliminação de bactérias e outros agentes externos.

4. Insuficiência venosa
Aqui o problema torna-se um pouco mais delicado. A insuficiência venosa que causa o inchaço tem como origem nas veias das pernas ou dos pés, cujo sangue não está fluindo adequadamente. No entanto, isso acontece porque as veias podem estar com varizes. Elas podem ter origem genética, excesso de peso, sedentarismo, anticoncepcionais, idade, tabagismo, sapatos e calças apertadas.

5. Infecção nervosa
O inchaço nos pés também pode ser sinal de infecção nos nervos, resultando em síndromes como a PDCI ou a Síndrome de Guillan-Barré. Geralmente, as pessoas que apresentam estes quadros de polioneuropatia, tendem a ter os membros inferiores e braços com insensibilidade.

6. Doenças cardiovasculares
O coração, o fígado e os rins, também favorecem o incômodo dos inchaços. Isso acontece em razão da retenção de líquido, sódio e água. Todos os três órgãos quando afetados por algum tipo de distúrbio, ocasionam o inchaço.

7. Efeito colateral de algum remédio
Certos medicamentos podem ter como efeito colateral o inchaço das pernas e pés, como por exemplo os anticoncepcionais, remédios para o coração, esteroides, corticoides, remédios para diabetes e antidepressivos.

:
Como vimos, o inchaço nos pés pode ter várias procedências, basta apenas estar atento a estes sinais. Para garantir que não piore a situação, algumas mudanças no seu estilo de vida podem ajudar a amenizar os sintomas. Além do mais, uma alimentação mais natural, evitando o excesso de calorias, açúcar, sal e gorduras saturadas, pode ajudar bastante.

Tire alguns minutos por dia, com os pés levantados acima da linha do corpo para que o sangue possa fluir de volta ao coração, facilitando e desbloqueando a circulação.

Marque sua consulta