Julho Amarelo: Mês de luta contra as Hepatites Virais

Dia 28 de Julho é considerado o Dia Mundial de Luta contra as Hepatites Virais.

Além disso, Julho Amarelo alerta sobre as hepatites virais.

As hepatites virais são doenças provocadas pelos vírus A, B, C, D, E, que causam doenças que podem evoluir e até se tornarem crônicas, causando danos mais graves ao fígado, como cirrose e câncer.

A hepatite é uma inflamação do fígado, podendo ser decorrente de inúmeras causas, dentre elas: através de infecção por vírus, uso de medicamento, uso de álcool e outras drogas, doenças autoimunes, doenças metabólicas ou genéticas.

No caso específico das hepatites virais, que são o objeto da campanha Julho Amarelo, estas são inflamações causadas por vírus classificados pelas letras do alfabeto em A, B, C, D (Delta) e E.

 Hepatite A: está diretamente relacionada às condições de saneamento básico e de higiene. Apresenta infecção leve e se cura sozinha. Além de existir vacina.

• Hepatite B: sua transmissão é por via sexual e contato sanguíneo. A melhor forma de prevenção para a hepatite B é a vacina, associada ao uso do preservativo.

• Hepatite C: a principal forma de transmissão é o contato com sangue. É considerada a maior epidemia da humanidade hoje, cinco vezes superior à AIDS/HIV. A hepatite C é a principal causa de transplantes de fígado.  A doença pode causar cirrose, câncer de fígado e morte.

• Hepatite D: é causada pelo vírus da hepatite D (VHD), ocorre apenas em pacientes infectados pelo vírus da hepatite B.•– Hepatite E: contaminação via vírus da hepatite E (VHE) e transmitida por via digestiva (transmissão fecal-oral), provocando grandes epidemias em certas regiões. A hepatite E não se torna crônica, porém, mulheres grávidas que forem infectadas podem apresentar formas mais graves da doença.

Nem sempre a doença apresenta sintomas, os mais comuns são:

• Cansaço;

• Febre;

• Mal-estar;

• Tontura;

• Enjoo;

• Vômitos;

• Dor abdominal;

• Pele e olhos amarelados;

• Urina escura;

• Fezes claras.

No Brasil, as hepatites virais mais comuns são causadas pelos vírus A, B e C. Existem ainda, com menor frequência, o vírus da hepatite D (mais comum na região Norte do país) e o vírus da hepatite E, que é menos frequente no Brasil.

A recomendação é para que toda pessoa seja testada pelo menos uma vez na vida. Se houver suspeitas da doença, procure um médico.

 

Marque sua consulta