Insônia: conheça mais do problema que atinge mais de 70 milhões de brasileiros

A insônia é um distúrbio muito comum que se caracteriza pela dificuldade em começar a dormir ou se manter nesse estado por um longo período de tempo. O ritmo agitado da vida urbana e o estresse do dia a dia nos levam a dormir cada vez pior. Não à toa, a insônia é a queixa mais comum entre as pessoas com distúrbios de sono.

De acordo com a Associação Brasileira do Sono (ABS), 73 milhões de brasileiros sofrem de insônia e que a doença está associada ao aumento do risco de morte, doença cardiovascular, depressão, obesidade, dislipidemia (presença de índices elevados de gordura no sangue), hipertensão, fadiga e ansiedade.

A insônia pode ser caracterizada tanto pela dificuldade em pegar no sono, a chamada insônia inicial, como para voltar a dormir após despertares no meio da madrugada. A primeira está relacionada a ansiedade e a segunda está mais associada a depressão.

Principais fatores relacionados à insônia:
Estresse
Ansiedade
Depressão
Condições médicas (câncer, artrite, hipertensão, AVC, Parkinson, Alzheimer)
Medicações
Cafeína
Nicotina

Principais sintomas da insônia
Dificuldade para adormecer à noite
Despertar durante a noite
Despertar muito cedo
Não se sentir descansado após uma noite de sono
Cansaço ou sonolência diurna
Irritabilidade, depressão ou ansiedade
Dificuldade para prestar atenção, Aumento do risco de acidentes
Dores de cabeça localizadas
Problemas gastrointestinais

Caso você apresentar alguns desses sintomas e eles estiverem prejudicando suas atividades diárias, seja no trabalho ou nos estudos, procure um especialista para que te ajude a tratar o problema de forma correta.

Confira algumas dicas que você deve adotar para dormir melhor:
Procure dormir, no máximo, 7 horas por noite;
Deite-se apenas quando estiver com sono;
Não faça refeições pesadas antes de dormir;
Evite sonecas durante o dia;
Procure expor-se à luz solar logo pela manhã e no final da tarde
Não coloque relógios de qualquer espécie no quarto de dormir;

O Hospital São Matheus conta com médicos neurologistas realizando atendimentos (particulares e convênios) no centro médico. Agende sua consulta.