HIPOCALEMIA: o que é, sintomas, tratamentos e causas

A hipocalemia, também chamado de hipopotassemia, corresponde à situação em que é verificada baixa quantidade de potássio no sangue.

Normalmente, o nível de potássio no sangue é de 3,6 a 5,2 mmol/L. Abaixo de 3,5 mmol/L o diagnóstico é positivo para Hipocalemia. No entanto, quando o nível de potássio está muito baixo, inferior a 2,5 mmol/L, a pessoa requer atendimento médico urgente, pois sua vida pode estar em risco.

Causas
A hipocalemia pode ter várias causas. A causa mais comum é a perda excessiva de potássio na urina, causada pelo uso de medicamentos diuréticos. Vômitos e diarreia também podem levar à baixa quantidade de potássio no sangue a partir do trato digestivo. Hipocalemia dificilmente é resultado de uma dieta pobre em potássio, mas pode acontecer.

Causas comuns de hipocalemia incluem:
– Insuficiência renal crônica;
– Cetoacidose diabética;
– Diarreia;
– Uso excessivo de álcool;
– Uso excessivo de laxantes;
– Uso de medicamentos diuréticos;
– Transpiração excessiva;
– Deficiência de ácido fólico;
– Hiperaldosteronismo primário;
– Vômitos;
– Uso de alguns antibióticos;
– Síndrome de Liddle;
– Síndrome de Cushing;
– Síndrome de Bartter;
– Síndrome de Fanconi;
– Distúrbios alimentares, como anorexia e bulimia;
– Deficiência de magnésio;
– Sudorese;

Sintomas de Hipocalemia
Geralmente, uma pequena queda na quantidade de potássio na corrente sanguínea não apresenta sintomas. Entretanto, quando essa baixa é muito grande, pode até colocar a vida da pessoa em risco.

Entre os principais sintomas, destacam-se:
– Dores musculares, como por exemplo cãibras, – Contração muscular involuntária,
– Fraqueza constante e, nos casos mais graves, paralisia, por exemplo.
– Fadiga;
– Paralisia (que pode incluir os pulmões);
– Constipação;

Além disso, pode haver dificuldade para respirar e alteração dos batimentos cardíacos.

Tratamento
O tratamento para potássio baixo no sangue é feito de acordo com a causa da hipocalemia, sintomas apresentados pela pessoa e concentração de potássio no sangue. Na maioria das vezes, o clínico geral indica o uso de suplemento oral de potássio, que deve ser usado em pequenas doses durante refeição para evitar irritação do sistema gastrointestinal.

No casos mais graves, que é quando a concentração de potássio encontra-se igual ou abaixo de 2,0 mEq/L, é recomendada a administração do potássio diretamente na veia para que os níveis desse eletrólito sejam regularizados mais rapidamente.

Especialistas que podem diagnosticar hipocalemia são:
Clínico geral;
Gastroenterologista;
Proctologista;
Urologista;
Cardiologista;
Reumatologista.

Marque sua consulta